A jornada da Kavod continua – Viagem à São Francisco! (SFO)

Olá pessoal, aqui estou eu novamente com mais um post da série 1 ano de Kavod Lending.

Na semana passada, escrevi um post contando como foi passar pela aceleração da Startup Farm Ahead | Visa.
Se você ainda não leu este post, corre lá para ler que está bem legal.

Hoje, o assunto ainda está relacionado com aceleração, mas como mencionei ao final do post anterior, vou contar sobre a viagem que GANHAMOS da Visa (parceira da Startup Farm na nossa turma de aceleração) que patrocionou a viagem de 2 integrantes de cada uma das 7 startups aceleradas no Ahead | Visa.

Então apertem os cintos e embarquem junto com a gente nessa viagem ao hemisfério norte.


Welcome to San Francisco!

Como muitos sabem, São Francisco e o Vale do Silício são lugares onde muita coisa acontece, o berço do empreendedorismo. Gigantes como Apple, Facebook, Google entre outras tem seus escritórios lá.

A cultura do povo americano para negócios é bem diferente do que vemos por aqui, principalmente em São Fancisco isso fica ainda mais evidente. Quase todo mundo compartilha suas ideias e troca experiências de negócios.

Imagine que voce está em um Starbucks café sentado em uma mesa e, de repente, alguém senta ao seu lado, puxa papo e, quando você percebe, aquele papo virou uma conversa de negócios, você trocou contatos e ainda possivelmente fechou uma parceria ou saiu com uma ideia genial nova para sua empresa…pois é, isso é relativamente comum lá.

Aqui no Brasil, provavelmente acharíamos suspeito e teríamos bastante receio em compartilhar a nossa ideia genial de negócio com um completo desconhecido. Aliás, aqui vai uma dica importante…

DICA IMPORTANTE

A sua ideia, no mundo do empreendedorismo e de Startups, mesmo que ela seja super, hiper, MEGA genial…ela não vale tanto quanto você imagina. A ideia é SIM importante, mas a EQUIPE e a EXECUSSÃO são de fato o que vai fazer a diferença entre o sucesso ou não de sua empresa.

Ideias são replicáveis facilmente. Se você fizer sucesso, VÃO copiar sua ideia e, se quem te copiou fizer melhor a sua ideia do que você mesmo, aí temos um problema grave. E a culpa não é de quem te copiou…

Então, monte um bom time e execute bem a sua BOA ideia, copiadores virão e, se você estiver executando melhor, eles não serão um problema.


De volta ao assunto

Como eu estava falando, aqui no Brasil seria estranho, mas o que me deixa feliz é ver que cada vez mais, isso vem mudando. O mercado de Startups e a qualidade dos empreendedores vem melhorando muito no Brasil. Mas vamos voltar para a terra do Tio Sam.

Parte da programação da viagem era passar dois dias no Google LaunchPad, um programa de aceleração global (mais um fruto de parceria da StartupFarm, dessa vez com a Google). Ficamos apenas dois dias lá, mas ja deu para sentir o gostinho e ficar com vontade de mais. Apesar do curto tempo, a profundidade das conversas com os mentores de lá foi INACREDITÁVEL!!!

Falando em mentores, lembrei de outra coisa bastante forte lá é o que chamamos de Networking, que nada mais é do que a rede de relacionamentos de uma pessoa. É muito comum pessoas usarem suas redes de relacionamento para pedir apresentações à pessoas ou empresas que possam ser interessantes para ela ou o seu negócio. E foi usando esse networking que conseguimos visitar as maiores empresas do mundo no setor de empréstimos p2p (peer to peer).


Visitas às empresas

Nessa viagem, tivemos a felicidade de visitar os escritórios de empresas gigantes no mercado de p2p lending e conhecer pessoas fantásticas.

Prosper

Na primeira das empresas que vou citar, a Prosper, que já desembolsou mais de USD 8 bilhões desde a sua criação, tivemos a oprtunidade de conhecer e conversar com nada mais, nada menos que Ron Suber! Um dos nossos mentores fez a ponte e ele nos recebeu para uma conversa muito produtiva. O Ron acabou se tornando uma espécie de mentor não oficial, pois temos um grupo de Whatsapp com ele e sempre estamos trocando novidades e ideias sobre o negócio. É fantástico ter alguem desse calibre dando dicas sobre o nosso mercado!

Se você não sabe quem é ele, esse cara é conhecido como Fitech Legend, como The Godfather of Marketplace Lending e é realmente uma pessoa genial. E não sou apenas eu que estou dizendo essas coisas sobre ele como podem ver…



Lending Club

Mais uma vez o networking aparece aqui. Quem nos recebeu dessa vez foi meu amigo Jeff Song, que é manager na Lending Club. O Jeff também fez MBA em Boston College (BC), assim como eu, mas estava no segundo ano quando eu comecei. Mas como bons Eagles (alunos que estudam em BC) foi fácil se re-conectar e agendar a visita. Deixo aqui meu agradecimento especial ao Jeff por abrir as portas e nos explicar mais a fundo sobre a empresa, foi muito legal!

Para vocês terem uma idéia, APENAS no 3º trimestre de 2016, a Lending Club emprestou mais de USD 1,9 bilhões.
O escritório deles é muito bacana e logo de cara vimos uma frase que a gente aqui da Kavod se identifica bastante, pois mesmo antes da visita, nosso propósito ja estava definido:
Democratizar e tornar mais justas as taxas de financiamento e investimento do mercado Brasileiro.

Chegar lá e se deparar com a frase abaixo logo na entrada me parece um sinal de que estamos com a motivação correta!


Transformando o sistema bancário para tornar o crédito mais acessível e o investimento mais rentável.



Funding Circle

Mais uma visita bastante produtiva, a conversa que tivemos com o Paul Toomath mostrou mais uma vez que estavámos no caminho certo. Muitas das ideias do nosso modelo de negócios estavam alinhadas com o modo que eles já operavam. Apesar de ter sido criada na Inglaterra em 2010, eles operam em diversos países e já somam mais de USD 5 Bilhões em empréstimos, sendo que, só nos Estados Unidos, já emprestaram mais de USD 1 Bilhão.



Visa

Por fim, fomos até a Visa, nossa patrocinadora e fiquei impressionado com a quantidade de inovação que estão investindo…só para dar uma ideia, vou compartilhar algumas fotos, que vão desde geladeiras conectadas que permitem fazer compras de mercado, até carros conectados que pagam o lanche no Drive-Thru ou bombas de gasolina que permitem o pagamento automaticamente sem sair do carro ou usar um cartão físico. Incrível!

Para quem curte tecnologia como eu, esse mundo tá ficando muito legal!


Corre para não perder o vôo…

Apesar de a viagem ter sido muito produtiva e proveitosa, chega a hora de voltar para casa…afinal de contas, precisavamos botar a mão na massa e colocar em prática algumas das coisas que vimos por lá!

Então aproveito para me despedir, pois agora voltaremos para o Brasil e, na semana que vem, vou contar mais sobre os eventos que participamos e prêmios que ganhamos!

Até a semana que vem e lembre-se de curtir a @kavodlending nas principais redes, comentar esse post e compartilhar com seus amigos.

Tchau, Tchau…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *